Voltar

Jovens aprendizes participam de entrega de alimentos em Venâncio Aires

21.07.2017

Julho 2017 – Os jovens aprendizes do Programa de Aprendizagem Profissional Rural do Instituto Crescer Legal de Venâncio Aires realizaram no dia 18 de julho a vivência de entrega de alimentos da agricultura familiar para 130 famílias carentes e 10 entidades assistenciais do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

A atividade foi realizada na Cooperativa dos Produtores de Venâncio Aires (Cooprova), com apoio das secretarias municipais de Desenvolvimento Social e de Agricultura, do gabinete da primeira-dama e da Emater. Os aprendizes puderem vivenciar a rotina dos agricultores fornecedores de alimentos: da pesagem e certificação da qualidade dos produtos à emissão de notas no bloco do produtor, valor dos produtos pagos, organização e entrega dos produtos.

Segundo a educadora social, Ana Paula Justen, a vivência foi fundamental para a compreensão da gestão da Cooperativa e dos programas PNAE e PAA. “Trata-se de iniciativa organizada e um programa assistencial muito importante para as famílias carentes do município, que faz refletir sobre nossas necessidades e sobre o desenvolvimento humano e social. Foi possível a compreensão da relação da valorização da produção da agricultura familiar e das necessidades sociais existentes”, reflete.

SAIBA MAIS – O Instituto Crescer Legal foi fundado em 23 de abril de 2015. Já em 2016, implementou o Programa de Aprendizagem Profissional Rural. Atualmente, duas turmas foram formadas (Candelária e Vera Cruz) e outras três estão em andamento (Venâncio Aires, Vale do Sol e Santa Cruz do Sul). O projeto-piloto do Programa de Aprendizagem Profissional Rural é pioneiro e segue os preceitos da Lei da Aprendizagem, oferecendo aos jovens salário proporcional a 20 horas semanais, além de certificação e demais direitos (Lei 10.097/2000 e Dec. 5598/2005). Os jovens são contratados pelas empresas associadas ao Instituto, mas as atividades são todas realizadas na escola parceira, durante o contraturno, em suas propriedades, comunidades e em saídas de estudo.

Contato com a imprensa:

Loader